Ir para a página principal Mapa do site
 
Funcionamento

Derivativos são operações financeiras realizadas na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) - associação sem finalidade lucrativa, que organiza, regulamenta e fiscaliza mercados de liquidação futura.

Sua função é fornecer condições físicas e organizacionais à realização de negócios entre clientes representados pelas Corretoras de Mercadorias associadas à BM&F através da firmação de um contrato futuro, que nada mais é que um acordo entre duas partes onde uma é obrigada a vender e outra, a comprar a quantidade e o tipo estipulado de determinada commodity ou de derivativos financeiros, pelo preço acordado, com liquidação do compromisso em data futura.

Necessariamente, um contrato futuro é padronizado e baseia-se em mercado físico-financeiro organizado. Uma das características mais marcantes do mercado futuro é a existência do ajuste diário, preço que, ao final de um dia de negociações, será referência para os acertos financeiros das posições de compra e de venda mantidas em aberto em nome de determinado cliente, conforme apresentem lucro ou prejuízo.

O preço futuro é a cotação que determinado ativo apresenta para uma data futura. Esse preço reflete as expectativas que os agentes do mercado possuem para o futuro em uma data presente.

Sua negociação se dá em pregão eletrônico e de viva voz. O pregão de viva voz ocorre na sala de negociações da BM&F, sendo realizado entre os operadores de pregão que recebem dos operadores de mesa ordens de venda e/ou compra transmitidas por clientes das respectivas Corretoras de Mercadorias. Isso significa que a negociação de contratos futuros na BM&F só é feita por intermédio das Corretoras de Mercadorias associadas à Bolsa de Valores.